Domingo, 11 de Outubro de 2009

Criança é amor

 

Descalço e tristonho, o caminho subia,
Com cara de fome, segurava um bastão,
Enquanto comia um pedacinho de pão,
Ao ver-me chegar, seu rostinho sorria.
 
Seu corpo queimado, de frio tremia,
Sozinho no monte, o gado guardava,
Canseira de ver, se algum lhe faltava,
Para todo o lado, o seu olhar corria
 
Quem te tirou, o teu direito de brincar?
Pequeno menino, não nasce para trabalhar!
Nem ter frio, nem fome, nem escravatura!
 
Criança é fruto do amor, para ser amada,
Não pode jamais, viver mal tratada!
Mais tarde ninguém gosta, de ouvir-lhe a censura.
 
 
                                                     Casimiro Costa
 Imagem retirada da internet

 

publicado por casimirocosta às 10:21

link do post | comentar | favorito
|
4 comentários:
De linhaseletras a 11 de Outubro de 2009 às 20:09
Olá meu amigo, que belo soneto, e que cruel verdade mas é isso que se vê no nosso dia a dia infelizmente.
Como diz "Criança é Amor" e como tal devia ser poupada a qualquer sofrimento, mas não é assim que muitos a vêem.
E sendo assim está sujeita a todo o tipo de crueldade.
Até amanhã e bom inicio de semana
De casimirocosta a 11 de Outubro de 2009 às 21:07
Obrigado Amiga,esta é uma triste realidade que muito me incomoda, mas pouco ou nada posso fazer por ela.
Um abraço e muito obrigado.
Casimiro Costa
De poetaporkedeusker a 12 de Outubro de 2009 às 11:03
Vejo que também se apaixonou pelo soneto, meu querido amigo! Eu, neste fim de semana, fartei-me de criar poesia, na sua maioria sonetos. Que este seu menino pobre possa ter u7ma vida digna e muito, muito amor!
Um abraço!
De casimirocosta a 12 de Outubro de 2009 às 19:23
Muito obrigado amiga, é verdade apaixonei-me pelos sonetos, mas a minha amiga é a boa culpada, embora eu seja iternamente um aprendiz, comparado com a minha amiga.
Um abraço grande.
Casimiro Costa

Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Abril 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.posts recentes

. Meu povo irmão

. Momentos

. Um abraço á Madeira

. Dia dos namorados

. 30 anos bodas de pérola

. Pelo Haiti

. Grito

. O mais forte amor do mund...

. A todos bom Natal

. Em jeito de fado

. Prémio para os meus AMIGO...

. Poesia ou melodia?

. Peço perdão

. Sentidos da vida

. Obrigado amiga

. O papel é meu amigo

. MAL AMADO

. Criança é amor

. Obrigado Madeira

. ...

. Férias do 13 ao 30

. Um convite aos meus amigo...

. Minha filha

. Dolorosa lição

. USA O CORAÇÃO

. Sensibilidade após Abril

. Corre sempre atrás dos so...

. Homenagem a meus pais

. Meus amigos

. PORQUE GOSTO DE VÓS

. Criancinha de ninguém

. Queria sorrir

. Medo

. Retalhos da minha vida

. O POETA

. ...

. ...

. Só não vos quero perder

. Hora de nostalgia

. Porque choro?

. Saudade

. Minha netinha

. APRESENTAÇÃO

. Mulher

. O invejoso

. O meu pai foi calceteiro

. A vida e a saudade

. Perdi meu PAI

. Pureza inocente

. Desilusão

.arquivos

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Março 2009

. Outubro 2008

. Junho 2007

. Julho 2006

. Abril 2006

. Março 2006

.tags

. todas as tags

.favorito

. Perdi meu PAI

. A vida e a saudade

. Marcas da vida

. É tão bom ser teu avô

. Adeus campeão

. Se eu pudesse

. Nó na garganta

. Um bom filho

. Mamã coragem

.Amigos online

.Contador Visitas

Moveis
Contador de visitas grátis
DESDE 07-05-2009


MusicPlaylist
Music Playlist at MixPod.com

.subscrever feeds