Segunda-feira, 27 de Março de 2006

Nó na garganta

Caminhava eu distraído

E de repente dou comigo

A olhar uma criança

Segurava uma sacola

Enquanto pedia esmola

Chorava cheio de esperança

 

 

Abeirei-me do petiz

Que soluçando me diz

O senhor não é mau pois não?

É que eu pai já não tinha

Morreu a minha mãezinha

Tenho fome queria pão

 

 

Ao sentir miséria tanta

Apertousse-me a garganta

E com força o abracei

Agarrei-o pela mão

E com dor no coração

A minha casa o levei

 

 

De comida o fartei

E do que tinha lhe dei

Como se ela fosse minha

E enxugando os olhos seus

Eu senti chorar os meus

Com pena da criancinha

 

 

O senhor não é mau não

Tem um grande coração

E com os olhos cheios de brilho

Diz o senhor não se aborreça

Mas não me sai da cabeça

Gostava de ser seu filho

 

 

Fiquei eu a soluçar

E ao pequeno abraçar

Estas palavras me sai

Não serias p´ra mim cadilho

Gostavas de ser meu filho

Eu gostava de ser teu pai

publicado por casimirocosta às 23:18

link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Abril 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.posts recentes

. Nó na garganta

.arquivos

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Março 2009

. Outubro 2008

. Junho 2007

. Julho 2006

. Abril 2006

. Março 2006

.tags

. todas as tags

.favorito

. Perdi meu PAI

. A vida e a saudade

. Marcas da vida

. É tão bom ser teu avô

. Adeus campeão

. Se eu pudesse

. Nó na garganta

. Um bom filho

. Mamã coragem

.Amigos online

.Contador Visitas

Moveis
Contador de visitas grátis
DESDE 07-05-2009


MusicPlaylist
Music Playlist at MixPod.com

.subscrever feeds